26 de fevereiro de 2021

Doria diz que SP poderá vacinar pessoas de outros estados

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), informou em entrevista à rádio CBN, nesta quinta-feira, 22, que pessoas de outros estados que forem a São Paulo poderão ter acesso à vacinação contra a covid-19.

O governo paulista tem uma parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac Life Science e com o Instituto Butantan, que desenvolvem a vacina CoronaVac.

“Seria legítimo e absolutamente correto, além de humanitário, que atendêssemos na vacinação pessoas de outros estados que estivessem aqui ou para cá se dirigissem”, disse Doria.

Doria diz que São Paulo poderá vacinar pessoas de fora

A ideia é dar início à vacinação assim que a Anvisa aprovar o imunizante, que está na última fase de testes no Brasil e já demonstrou ser seguro. Agora, a última etapa do estudo visa certificar a eficácia contra o coronavírus.

Sobre datas do início da vacinação em São Paulo, o tucano agora deixa em aberto. Em setembro, ele tinha falado que seria possível vacinar os profissionais de saúde do estado a partir de 15 dezembro, porém, após reunião com a Anvisa decidiu não dar prazos.

“A Anvisa nos solicitou isso, entendendo que não era necessário estabelecer uma data e que isso pudesse ser compreendido como uma pressão. Foi de forma respeitosa que decidimos não cravar uma data” afirmou.

A fala de Doria sobre abrir as portas de São Paulo para pessoas de fora do estado se vacinarem vem um dia depois de o presidente Jair Bolsonaro vetar o acordo de intenção de compra da vacina chinesa feito pelo Ministério da Saúde.

Veja também: Saúde muda discurso e diz que não há interesse por vacinas chinesas

Veja também: Bolsonaro desperta avalanche de críticas após barrar vacina chinesa

You may have missed

11993455895
× Atendimento via WhatsApp